Vejam a velocidade com que os governos levam nosso suado dinheirim...

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Créditos do texto abaixo:

http://coreaupetista.blogspot.com/

Autoria de:   Benedito Gomes Rodrigues

Que eu assino embaixo

PT Coreaú: Coreaú de novo padre, esperança de Igreja renovada...

PT Coreaú: Coreaú de novo padre, esperança de Igreja renovada...: Depois de cerca de quinze anos de gestão da paróquia de Coreaú por Pe. Nery, enxergo com ótimos olhos sua substituição por Pe. Lucione, pois...

domingo, 12 de fevereiro de 2012

A mais linda canção romântica do milênio-Demis Roussos

Je teme (Je t' aime)

Retrô anos oitenta. Hit frances que embalou muitos amores e coreações apaixonados... O brega francês, letra pobre mas de melodia contagiante, resumindo tudo isso a Te amo!!!

Speak Softly Love - Andy Williams

Fale baixinho - Wanderley Cardoso

Domingo a tarde. Nelson Ned.

ERASMO CARLOS - SENTADO À BEIRA DO CAMINHO

Jovem guarda - Jerry adriani - Querida

Esfriando as orelhas do inimigo.

Por questões técnicas que fogem ao controle deste escriba, a Tribuna de Jambom ficará sem atulaização por alguns dias. Espero que por pouco tempo. Infelizmente os pitacos nos blogues dos amigos e professores João Teles e Romildo Moura, ficarão também de fora. Que pena! Matéria prima lá é o que não falta para o tempero de minhas modestas crônicas. Mas fazer o quê? Qualquer hora a gente volta... Se Deus assim permitir. 

Tenho dito... E sempre!!! 

AVE MARIA-GOUNOD-PAVAROTTI-BOCELLI-WUNDERLICH-TEBALDI-FRENI

Ave Maria (Gounod) - Atrium Coral e Orquestra

Dermos-nos ao respeito e Coreau será sempre respeitada!!!


COREAU MERECE RESPEITO!

“É mesmo?”


Pois bem: Mas quem é mesmo Coreau? É o espaço físico geográfico formado pelo solo subsolo sua atmosfera, seu acidentes geográficos rios, suas riquezas minerais e vejatais e suas construções tudo isso limitados pelos municípios vizinhos?

Pois bem 2: Ou sua gente. Trabalhadores de toda ordem, estudantes, aposentados, jovens e idosos que neste espaço vivem?

Pois bem 3: Ou seria Coreau, a junção destes dois conjuntos de elementos que formaria o municipio de Coreau físico e político?

Pois bem 4: Na modesta opinião deste humilde aspirante a escriba mor desta demosucupirana tribuna Coreau é o que está escrito no pois bem 3, ou seja o somatório de pois bem mais pois bem 2.

Pois bem 5: Então?

Pois bem 6: Se Coreau merece respeito como diz a faixa carregada no protesto de ontem quem é o responsável por este desrespeito?

Pois bem 7: Os elementos do primeiro pois bem não o são, já que os mesmos são inanimados e não agem por sí. São elementos passiveis da ação de outro elemento. O ser humano.

Pois bem 8: -Eureca! Acho que descobri a pólvora! Então se Coreau está sendo desrespeitada é pelo segundo elemento, ou seja, a sua gente.

Pois bem 9: Mas que gente é essa que anda desrespeitando Coreau?

Pois bem 10: Não precisa ser especialista perito ou seja lá o que for para descobrir quem mais falta com o respeito à nossa cidade:

Pois bem 11: O ordinário, merecenário, servil, inescrupuloso, antiético, salafrário e corrupto eleitor, que vende o voto para o candidato A, B, C, D, E, F, G, H, I, J, K, L, M, N, O, P, Q, R, S, T, U, V, X, Y, e W.

Pois bem 12: Muitos dirão: “-Mas eu não vendi meu voto. Apenas troquei por um emprego.”

Pois bem 13: E que diferença faz companheiro?

Pois bem 14: Trocou seu exercício de cidadania por um favor pessoal e por isso mesmo será taxado com os mesmos predicados com os quais taxei os que trocaram por dinheiro em espécie.

Pois bem 15: E são estes os que há séculos desrespeitam Coreaú.

Pois bem 16: E basta um olhar clínico nas imagens para notar que lá tava cheinho destes também, que se hoje criticam A, é somente por que não estão se beneficiando se fosse B a mandar.

Pois bem 17: Indaguem quantos daqueles se engajariam em uma campanha pro mundança sem nenhuma ligação com qualquer resquício de DNA político que reinou em Coreau no último século.

Pois bem 18: Nenhum!!! Vejam bem! Eu escreví N-E-N-H-U-M! E sem medo de errar.

Pois bem 19: E vem falar em respeito por Coreaú. Tenham consciência da infantilidade de que são portadores. Olhem que usei infantilidade para não ser mais duro e dizer b#rr%ce, ou quem sabe mesmo até sabedoria. Por que como se sabe ninguém naquele protesto é besta não tinha nenhum já que a grande maioria tem diploma superior e muitos até com várias especializações e “especializações” É doutor que não se acaba mais.

Pois bem 20: Só a Zebra é a solução...

Tenho dito... E sempre!!!



sábado, 11 de fevereiro de 2012

Romaria - Renato Teixeira

Estaríamos cegos só porque estamos sem oi?

Isso mesmo amigos jambonenses. A operadora de telefonia móvel OI deixou todo mundo sem oiá hoje. Desde cedo ninguem fala com ninguem quem tenha oi. Ou seja os cegos estão incomunicáveis. Graças a operadora Claro a gente ainda pode dizer algo. Mas os sistemas que dependem unicamente da operadora cega. Bancos e alguns correspondentes bancários ficaram sem operar. A população no prejuízo. A quem reclamar? Ao novo padre? Ao Bispo? Ao Arcebispo? Ao sumo pontífice? Não acho que a nenhum destes devemos ir reclamar. A culpa não é deles não sinhô. Mas temos que descobrir os responsáveis por este descaso. Ah! também não devemos ir reclamar com o alcaide de Jambom. Ele dirá. Isto não é problema meu. E realmente não o é mesmo... Tenho dito... E sempre!!!


P.S.: E como se parecesse praga de sogra eu nem mesmo terminei de registrar o meu reclame aqui na tribuna de Jambom e a tal operadora resolveu abrir o OI. Tá nor ar a danada.... Mas vai receber a reclamação que mereçe.




Primeira epístola de um jambonense aos cautos e incautos...

Jambom 11 de fevereiro de 2013

Pois bem: Por que estou a três dias sem meu Tolrest, Alenthus XR 150 mg e o sonífero Eutonis 2mg, amanheci um tanto irritado e de pouca conversa, mas acho que pelos acontecimentos nesta manhã pela cidade hoje vai dar muito pano para as mangas, como dizia “”rórró” a philósofa matuta que desenhava o nome nos quinze de novembro de outrora...
Pois bem 2: Logo no início da manhã houve um pequeno reboliço pela cidade...
Pois bem 3: Quase todo mundo viu, mas garanto que ninguém oiô!
Pois bem 4: É que para começo do transtorno uma das principais operadoras de telefonia fixa e de celular da cidade ficou fora do ar deixando, comercio, população, bancos, internet e toda a população ilhada, no meio de um prejuízo incalculável. Pelo menos em minha pequena calculadora de R$ 1,99, não consegui fazer as contas. Deu “Error”
Pois bem 5: Mas voltanto ao rebuliço inusitado que presenciei voltamos ao caso:
Pois bem 6: (...)”XVI – todos podem reunir-se pacificamente, sem armas, em locais abertos ao público, independentemente de autorização, desde que não frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local, sendo apenas exigido prévio aviso à autoridade competente. É o que diz o parte do Artigo 5º Dos direitos e deveres individuais e coletivos, Capítulo I - TíTULO II – Dos Direitos e Garantias Fundamentais”(...)
Pois bem 6; É o que está escrito na carta magna sucupirana que apesar da maioridade ainda é um tanto fragilizada pelos vícios e máculas dos “grandes” homens que fazem funcionar o poder...
Pois bem 7: Enquanto transitava pela Jambom empoeirada pelo “grande” movimento das carruagens em protesto me acheguei de um participante meio que tímido como se sem saber se vou ou não vou, e indaguei:
Pois bem 8: -Quem é o chefe deste bando de mamulengos?
Pois bem 9: Ele me olho de cima abaixo com cara, agora não de tímido, mas de ameaçador, levantou um pouco de blusa, mostrou um jucá sapecado (daqueles que antigamente meu avô usava para defesa pessoal nas caatingas da penaduba) que trazia consigo para alguma eventualidade e afirmou: -Refaça sua pergunda novamente que eu não entendi direito.
Pois bem 10: Aí eu tentei ser mais claro e novamente indaguei: “-O “ilustre” “amigo e camarada” poderia por gentileza me informar apartir de qual “sábia” cabeça partiu a ideia de liderar esta confraria de gênios a fazer um protesto cívico, pacífico e dentro dos princípios democráticos hoje nesta cidade que anda um tanto parada?
Pois bem 11: Aí ele me chamou assim mais para perto com ar de camaradagem, cochicou em meu ouvido o nome da figura, pediu segredo e ainda me convidou a ajuntar-me ao “protesto”.
Pois bem 12: Agradecí, argumentei falta de tempo e saiu fugindo devagarinho como o diabo foge da cruz...
Pois bem 13: Alguns “companheiros” elogiaram o tal movimento... Eu preferí não calar...
Pois bem 14: Apenas dizer que:
Pois bem 15: Não há dúvidas que todo protesto independentemente de onde ele ocorre será sempre político e isso não é condenável muito menos crime, mas... Eu disse maaass:
Pois bem 16: Pelo ar de algumas caras dava pra notar que além de político o que não é crime e é até normal, o protesto tinha tambem um pouco de partidarismo e é aí que o bicho pega...
Pois bem 17: E os manulengos, ou melhor a confraria de gênios ainda não aprendeu a identificar lobos com peles de cordeiros...
Pois bem 18: Ôh bicho besta é gente....
Pois bem 19: Alíás no meio das crias novas ali protestanto, travestidas de idealistas e “imaculados politicamente”, identifiquei também muitos que não fariam diferente daqueles a quem tanto criticam...
Pois bem 20: Só a Zebra é a solução....

Tenho tido... E sempre!!!



FAFÁ DE BELÉM memórias

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

sábado, 4 de fevereiro de 2012

A terceira Bencâo



-Pois bem: Duas grandes bençãos que Deus nos concede é um labor que nos proporcione o sustento e proteção de nossa prole, e saúde. Sou graças a Ele um premiado... E o que é melhor. Às vezes Ele extrapola e me dar mais uma de presente. Foi o que me aconteceu ontem 03 de fevereiro de 2012. Enquanto atendia uma cliente: a melhor professora de Ciências Físicas e Biológicas que tive no início da década de oitenta quando ainda fazia o curso ginasial. Momento único. Esta sim, simpática como sempre. Professora com PH e maiúsculo. Foram nada mais que dois minutos de conversa informal que nada tinha a ver com demanda de mesma mas aí as boas reminiscências...

Pois bem 2: Além de todos estes predicados profissionais era também a musa daquele adolescente vigoroso cujos pensamentos libidinosos os fazia pecar quasse que diariamente, (Ai que veregonha de confessar isso agora. Ainda bem que minhas mãos não ficaram cabeludas...)

Pois bem 3: A simpática professora ainda perguntou pelo estado geral de minha genitora, falou de seu irmão Humberto e alguns outros poucos assusntos de família. Dois minutos de puro prazer e alegria

Pois bem 4: Dois minutos onde vieram as boas lembranças do café com bulacha da budega de seu Chagas Leocádio no Mercado Publico de Coreau quando lá ia com meu pai avô Sinhô Sousa.

Pois bem 5: Lmebranças da bucólica residência na esquina da Rua Joaquim Machado com Rua Tabelião Angelim, onde eu ia com mia mãe avó...

Pois bem 6: E como se fosse em um telão 3D de alta definição me veio à lembrança em apenas dois minutinhos todos esse bons momentos que o tempo guardou para tras e não mais me permite vivê-los fisicamente, apenas nas lembranaçs. Mas que boas lembranças.

Pois bem 7: Ao seu irmão Humberto como um menino matuto que olha o homem sabido da cidade eu lhe pedi atráves dela um passeio de helicóptero.... Ela riu bastante e disse que aquele aparelho que peneirou os ares de coreau tempos atrás não era do mesmo e sim de amigos.... Fiquei meio sem jeito mais já era tarde...

Pois bem 8: À professora em close (royallties para o meu nobre amido Professor e Historiador Leonardo Pildas) o meu eterno carinho, respeito e admiração. Que Deus lhe der muita paz, saúde e tranquilidade não só para a mesma mas para todos do seu grupo famíliar e de amigos.

Tenho dito... E sempre!!!

-Não! -Não! -Não! -Nao pense que vai encerrar sua crônica assim desse jeito, seu lascivo desregrado fiquei do inicio ao fim desejoso que tudo terminasse na mais pura decência, mas sou eu quem exito um Post Escripum aí no final deste texto. Você não encerrará sem que eu lhe dite um P.S.
-Então tá... amado, estimado, idolatrado, e tantos outros ….ados leitores destas mal traçadas linhas. O que queres que eu coloque como Post Escriptum apesar de eu já ter assinado com o meu sempre Tenho dito... E sempre.
-Coloque aí de preferencia em negrito ou itálico. Elhor seria nos dois
Post Escriptum: Um cabra safado destes não tem vergonha de mesmo com mais de quarenta anos de idade confessar suas semvergonices da época de juventude... Crie vergonha homem.
-Mas amado leitor....
-Não fale nem escreva mais uma só palavra! Não permitirei!
-Então só me resta dizer:
-Tenho tido... E sempre!!!

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Depois de descansar um pouco da fadiga, estou de volta. Mas já cansado.... E vamos falar de política que é o assunto do momento....