Vejam a velocidade com que os governos levam nosso suado dinheirim...

domingo, 18 de março de 2012

Dezenove de março. E aí gente, vamos roubar São José?

-Se entregastes profano fariseu! Agora lho peguei de calças curtas. Confessastes! Logo você que tanto prima pela honra, pela ética, pelo escrúpulo, que tanto critica os políticos corruptos, que tanto critica o eleitor que se vende, que tenta passar para todos a imagem de homem imaculado! -Viu pessoal? Pelo título de sua crônica não deixei que ele escrevesse nem mais um pingo de “í”. Pegamos o tal aspirante a escriba mor desta demo sucupirana tribuna convocando o povo a furtar. E o que é pior! Ele não deseja furtar nada material aqui desta terra, não é um roubinho qualquer não. Este é ladrão e dos perigosos. Quer roubar logo quem? São José, o nosso padroeiro... Isso é uma cria de Osama... Só pode ser... Não deem ouvidos a este fariseu... Não leiam mais uma palavra sequer escrita por ele... Tomem ciência do alto grau de periculosidade deste monstrengo que durante tanto tempo enganou a todos aqui, menos eu é claro que sempre o tratei com descrença e desconfiança... Quer agora aproveitar o momento de festa amanhã e a descontração do festejado para roubá-lo. Isso por si só já é motivo para o queimarmos na fogueira, depois de um processo rápido já que a confissão esta assinada pelo mesmo no título desta pauta...

-Calma amado, estimado, idolatrado, e tantos outros ….ados leitor destas mal traçadas linhas... tenha calma...
-Calma uma ova, seu filho duma ég...
-Não coloque mãezinha cheia reumatismos no meio de nossas desavenças, por favor...
-Não tem conversa... Amanhã mesmo, amanhã não que amanhã cedinho irei rezar para São José, mas “adispois” de amanhã vou ver se mando prender-lhe... Onde já se viu? Vir aqui convocar o povo a roubar um santo...
-Me deixe pelo menos falar...
-Deixo não...
-Deixe...
-Deixo não....
-Deixe...
-Deixo não...
-Deixe...
-Cale-se, cale-se, cale-se, você me deixa louco...
-Então deixe eu iniciar minha crônica por favor?
-Só vou deixar para que suas mal traçadas linhas sirvam de mais provas contra você mesmo... Mas prometo que não vou ler nem tomar conhecimento de plano tão tenebroso... Diga lá:

Pois bem: -Dizer-lho-ei agorinha mesmo meu plano, para que roubemos São José...

Pois bem2: É que o inverno anda meio devagarinho, chovendo pouco e a crença do sertanejo diz que devemos ir na casa de um vizinho e roubar a imagem de São José para que ele faça chover...

Pois bem 3: Como no sertão em quase toda casa tem um, fica facim, facim. As comadres vão lá fazer uma visita e enquanto a dona da casa passa um cafezinho alguém vá lá na camarinha e pá! Pega escondido o santo...

Pois bem 4: Isso não é nada demais. Aí São José manda um invernaço e quando for em julho depois de longa colheita a gente chama toda a vizinhança e prepara uma bonita procissão para devolver o santo à sua verdadeira residência.

Pois bem 5: Isso é bem antigo amado leitor, e não precisava me ofender tando assim...

Pois bem 6: E nas procissões lá pelo mês de julho a gente ia “detardezinha”, com as velhas na frente cantando e rezando e a juventude atrás namorando as meninas.... Ôh coisa boa...

-Vejam que herege? Nem nos momentos sagrado ele esquece “daquilo”
-Mas sou honesto.!
-Honesto uma ova.... Esta “historiazinha” não me convenceu... Em todo caso pessoal, é bom que todos fiquem de alerta... Qualquer coisa de maior gravidade que aconteça amanhã já temos um suspeito confesso.

Pois bem 7: O amado, estimado, idolatrado e tantos outros ….ados leitor destas mal traçadas linhas deveria ficar mais ligado às coisa populares e não às coisas dos populares...

Tenho dito.... E sempre!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário