Vejam a velocidade com que os governos levam nosso suado dinheirim...

domingo, 7 de julho de 2013

45 Yahooooooooooooooo!!!!!!!!

Não!!! Não!!! E não!!!  Aos desavisados vou logo adiantando que não aderí a aquele partido político que quebrou a Nação por várias vezes na década de noventa não, ou seja, não estou de bico graúdo... Fiquem tranquilos... Pois bem:

É que ao finalizar o dia e vendo meu "forte buc" como diz o matudo que acabou de adquirir um computador com "interned" e tudo (mardita incrusã digitá) notei (e fico agradecido por isso) várias mensagens de felicitações e de parabens por uma coisa que levei quase meio século para dar uma importânciazinha: A dada em que nascí...

Confesso que durante estes anos todos (hoje sou 4.5) nunca dei muita importância para isso e às vezes até fugia o pensamento nesta data para não ter que cronometrar nada... Afinal o que é mesmo o tempo? Para que serve? A não ser para envelhecermos?

Mas já que mudei um pouco de idéia, resolvi fazer um penqueno apurado desta caminhada que se por um lado não foi lá tão fácil, serviu para me lapidar como ser humano. Confesso que ainda carrego arestas afiadas, resultado do meio, e comuns à grande maioria das pessoas... Atirem a primeira pedra aquele que não as tem...


Mas também afirmo que tenho procurado ao máximo o meu melhoramento como pessoa humana. Não viemos para cá em férias, e sim para nos aperfeiçoarmos através do estudo, do trabalho, das lutas, do convívio e de todas as coisa que Deus nos poem em nossa vida.

Não diria aqui que estou com cŕeditos, mas liquidei muitos débitos... A todos que nestes quarenta e cinco anos de vida cruzaram meu caminho,  o meu eterno agradecimento por tudo que a mim de bom fizeram. Pelas alegrias, pelo conhecimento que dividiram comigo, pela mão amiga que me estenderam quando caído eu estava. Sou e serei eternamente grato e peço que Deus os ilumine sempre e os que não participaram desta parte peço a Deus mais ainda: Que Deus os ilumine e faça por eles o que eu não pude fazer...

Aos que desagradei, seja com opiniões ou atitudes, aos que magoei, ferí ou algum outro tipo de mal, eu tenha praticado, humildemente lhes peço perdão. Quando jovem, queremos receber nestas datas coisas materiais, mas como disse anteriormente nunca fora afeito a estas comemorações, mas como já disse: "-Já que estou a mudar de idéia, aos que desagradei, seja com opiniões ou atitudes, aos que magoei, ferí ou algum outro tipo de mal, eu tenha praticado, humildemente lhes peço perdão."

São a estes últimos a quem eu peço humildemente um presente: Que me perdoem!!! A esta altura da vida seria o melhor presente que eu gostaria de receber... Se não for pedir demais... Se assim o procederes terás sido a melhor mudança de idade de minha vida. Que Deus nos abeçoe e nos pretejam a todos.

              Tenho dito... E sempre!!!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário